duas-luas-20110804125233Uma nova teoria sugere que um dia, há bilhões de anos, a Terra teve duas luas, de acordo com um artigo publicado na revista Nature. A hipótese foi desenvolvida numa tentativa de se explicar por que nosso satélite possui duas faces tão diferentes entre si, sendo uma mais acidentada (o lado obscuro) do que a outra.   Segundo Erik Asphaug, cientista da Universidade da Califórnia em Santa Cruz e coautor do estudo, há 4,4 bilhões de anos, um satélite menor teria colidido com o maior e, desta maneira, restou apenas um deles com formato assimétrico. Eles haviam se formado aproximadamente 100 milhões de anos antes, quando um planeta gigante se chocou com a Terra. Assim, as luas teriam começado a orbitar a Terra, com a menor no rastro da maior.   
A lua maior acabou gerando um campo gravitacional que atraiu a menor e, então, ocorreu o impacto a uma velocidade relativamente baixa em termos de colisões planetárias, no caso 8.000 km/h. Como o choque foi “lento”, as rochas nem teriam se fundido. Simulações gráficas ajudaram os pesquisadores a chegar à conclusão dos motivos pelos quais um lado da lua é mais montanhoso do que a face iluminada do nosso atual satélite.    Especialistas que não participaram da pesquisa observaram que a ideia faz sentido, mas ainda não estão totalmente convencidos. A teoria foi apresentada em uma conferência da Nasa, em Woods Hole, Massachusetts, mas nem todos concordaram com ela. Ao mesmo tempo, porém, não é fácil aplicar testes para comprovar a veracidade da teoria.  

Artigo relacionado

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!