Todos enfrentamos dificuldades pessoais e em diversificados graus, morte de alguém que amamos, a perda de um melhor amigo, fim de relacionamento, demissão de emprego, etc. Como manter a paz de espírito em momentos como esses? Continue lendo e descubra.

“A vida não consiste em esperar a tempestade passar, mas sim em aprender a dançar na chuva.”
– Vivian G.

São essas experiências brutais que surgem do nada e muitas vezes acabam por nos jogar para baixo, nos desviando para fora do curso por um determinado período de tempo. Mas quando esse tempo passa aprendemos a olhar para frente com uma compreensão mais ampla e mais respeitosa da vida.
Esse texto não lhe fornecerá uma solução para o sofrimento, pois isso não existe, porém lhe trará alguns ensinamentos úteis para que você consiga manter a paz de espírito em momentos difíceis, pois acredito fielmente que este representa o primeiro passo para um entendimento mais amplo das experiências cruéis da vida.

• Aprenda a confiar em si mesmo.


“Não é tão ruim quanto você pensa que é. Uma hora isso será passado, vai dar certo. Relaxe e confie em si mesmo.”
Deposite toda sua confiança em si mesmo, seguindo a sua intuição e fazendo o seu melhor, avançando um passo de cada vez. Amor, persistência e trabalho duro dificilmente o levarão ao erro.
Se você tem fé em suas habilidades, se você permanecer fiel ao caminho que escolheu, se você canalizar sua paixão e transformá-la em ação você acabará por conseguir um grande avanço. Em outras palavras, assim que você confiar em si mesmo você vai saber como superar quase tudo.
• Concentre-se no que você está aprendendo.
Erros e fracassos são simplesmente uma forma de prática.

Se a estrada é fácil e livre de colisões, você provavelmente vai pelo caminho errado. Os buracos na estrada muitas vezes representam um desvio necessário que você tem que fazer para ir pelo caminho certo.

O caminho percorrido não deve ser fácil, mas deve valer à pena. Não existe um caminho inteiramente fácil, pelo menos não para um lugar que vale à pena ir.
• Não seja enganado por suas expectativas.
A vida não tem nenhuma obrigação de dar-lhe exatamente o que você espera. Seja o que for que você está procurando raramente virá na forma que você está esperando. Não deixe de ganhar a prata só porque você estava esperando ouro.
Você deve ver e aceitar as coisas como elas são e não como você esperava/desejava que eles fossem. Só porque não saiu como você tinha imaginado, não significa que não é exatamente o que você precisa para chegar aonde você quer ir.
• Use a esperança e construa uma ação positiva.
“Somente no escuro você pode ver as estrelas. As estrelas são a luz. Olhe para elas.”
O mínimo que você pode fazer em sua vida é descobrir o que você espera. E o que tem a fazer é viver dentro dessa esperança trabalhando o que você quer. Seja profundamente envolvido com os pensamentos e atividades que mantêm a sua esperança viva e sua intenção possível.
Não, esperança por si só não vai lhe poupar de desespero. Esperança capacita você a se esforçar e crescer, mesmo quando as circunstâncias estão ruins. O caminho que é construído com esperança é mais agradável do que a estrada pavimentada em desespero, mesmo que ambos aparentem levá-lo para o mesmo lugar, em curto prazo. Mas é o crescimento positivo que possibilita o caminho para este lugar temporário que irá beneficiar o seu destino final.
É tudo uma questão de equilíbrio – aceitar a realidade, sem negligenciar o que precisa ser feito para chegar ao seu destino desejado em longo prazo.

• Dê alguns passos para trás.


Tudo parece simples à distância. Às vezes, você só precisa se distanciar para ver as coisas mais claramente.
Você é maior do que tudo o que está te incomodando. A parte mais real de você existe além de suas preocupações, além de suas dúvidas, independente dos problemas e frustrações do momento presente. Dar um passo para trás e observar a si mesmo, como você experimenta cada momento. Estar presente. Observe a si mesmo como você pensa, como você age, como você experimenta as emoções. Seu corpo pode sentir dor, mas essa dor não é você. Sua mente pode encontrar problemas, e ainda assim você não é esses problemas.
Pense no mais difícil desafio possível agora. Imagine que não é você, mas um amigo próximo que está a enfrentar este desafio. Que conselho você daria a ele? Se você pudesse dar um passo para trás e, em vez de ser o sujeito na situação você pudesse olhar para sua situação como um observador objetivo, sua visão seria diferente? Pense no conselho que você daria a seu amigo, se seu amigo estivesse no seu lugar. Você está seguindo o seu melhor conselho agora?
Não permita que seus problemas atuais distorçam o seu pensamento. Dê alguns passos para trás e beneficie-se desta distância, e, em seguida, dê a si mesmo alguns bons conselhos.

• Caminhe em direção a algo em vez de fugir.


“Não pense em comer chocolate!” O que você está pensando agora? Comer chocolate, certo? Quando você se concentrar em não pensar em algo, você acaba pensando.
A mesma coisa se aplica quando se trata de libertar sua mente de um acontecimento negativo. Por persistentemente tentar afastar o que você não quer, será forçado a pensar sobre isso e trará um peso para sua vida. Mas se você escolher concentrar sua energia em movimento, seguindo em direção a algo que deseja, naturalmente deixará o peso negativo para trás à medida que avança.
Ao invés de se concentrar em eliminar o negativo, concentre-se na criação de algo positivo!

• Encontre o início em cada final.

Um grande homem disse uma vez que: “Todo começo vem do fim de algo na sua vida.” Hoje é um novo começo, pense dessa forma. Pare de pensar sobre o que poderia ter sido e comece a olhar para o que pode ser.

Diga a si mesmo: “Passado, obrigado por todas as lições de vida que você me ensinou. Caro futuro, estou pronto agora! ” Porque um grande começo sempre ocorre no exato momento em que você pensou que seria o fim de tudo.

Do site: http://www.mundodse.com

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!