Tens dentro de ti o poder maior a que um ser humano possa aspirar.
Tens dentro de ti o poder que sempre tens desejado.
Mas, não o tens encontrado porque o tens buscado fora de ti.

mascara-ojos1Entendo que essa necessidade de se sentir seguro o leva a buscar onde outros já buscaram, entendo que não queres se sentir só quando se trata de decidir a tua vida. Entendo que sempre tenhas tomado decisões perguntando a teus amigos, a teus pais, ao sacerdote ou às pessoas que estavam próximas de ti quando tinhas que tomá-las. Entendo-te.

Por isso te disse antes: quando nasceste o fizeste só e quando fores o fará seguramente também.

Sabes? Na vida das aves há um momento muito crítico que todas elas devem passar. Está em sua lei isto. É o momento onde se jogam à vida. É quando voam pela primeira vez.

Nesse momento elas devem abandonar o ninho. Não têm outra oportunidade para fazê-lo. Ou voam ou caem do ninho ficando a mercê dos predadores. Podes imaginar o que passaria pela mente de um ser humano se tivesse que fazer isto? E o fazem quando ainda são pequenas.

O ser humano deve aprender a viver tomando decisões só. As decisões baeadas no que a maioria faz só te levam a ser igual à maioria.

E tu és diferente.

Sei que desde que tomaste este manuscrito tens te dado conta de que és diferente.

Os seres humanos são seres treinados pela sociedade para fazer com que a sociedade sobreviva. E isso está bem.

Por isso em meu comunicado anterior chamei a iniciar uma luta pela Terra do futuro.

Mas, agora te falo a ti.

O grande paradoxo deste caminho é saber que os seres humanos são iguais em essência e diferentes em manifestação.

Tenho que te fazer consciente de que és um ser único e diferente de todos os demais para que te separes do inconsciente coletivo que tem te hipnotizado como à maioria dos seres humanos do planeta e entres em contato com esse tesouro que tens reservado em teu ser interno.

E, uma vez que tenhas contatado te darás conta de que todos os seres humanos são iguais em essência.

Separo-te de quem tu crês que és para levar-te a quem realmente és.

Só que este caminho não deves percorrer somente tu. E apenas te marco um rumo.

Não estou aqui para dizer-te que veneres tal ou qual religião, mestre ou corrente filosófica, nem sequer te peço que te afilies a um movimento particular, não me interessa contar quantos estão participando destas comunicações, só me interessa que a humanidade, como um ser coletivo, desperte a uma realidade superior.

Eu trabalho desde dentro de cada ser humano.

Não me interessa trabalhar com afiliados, com organizações, com mesas diretivas ou em congressos.

Deixo isto àqueles que estão organizando a difusão destes comunicados. Esse é seu labor. A minha é falar-te a ti. Trabalhar contigo desde dentro.

Quando o faças, quando respondes a este chamado que por agora faço desde fora de ti, então estaremos tu e eu juntos. E tua vida começará denovo.

Será o despertar mais glorioso que possa experimentar um ser humano.

E a magia começará.

Dar-te-ás conta do poder tão grande que tens tido o tempo todo dentro de ti.

O poder de viver a vida que sempre tens desejado. De tornar realidade os teus sonhos.

Mesmo, seguramente, o que hoje aspiras e sonhas mudará quando perceberes o valor real das coisas.

Porém, certas coisas começarão a ocorrer quando estejas te aproximando a esse momento.

O mundo te parecerá mais interessante e misterioso.

Parecer-te-á que as coisas começam a tomar uma cor diferente. Que as pessoas já não são como eram antes, Notarás algo distinto em sua forma de ser.

Começarás a compreender os motivos ocultos do porquê as pessoas atuam como atuam.

sem-titulo-19Começarás a compreender os pequenos porquês da vida, compreenderás o que há detrás das coisas que te acontecem e uma alegria interior começará a surgir ainda antes que experimentes esse contato interno com tua alma.

Alguns eventos externos ocorrerão de imediato, que estão ligados com o propósito que buscas em teu caminho; chamam-se sincronias, eventos aparentemente desconectados imediatamente se conectam e te surpreenderás tanto que não poderás senão atribuí-los a este caminho que escolheste tomar.

Coisas pequenas que desejavas intensamente as verás realizadas; pessoas queridas com as quais tinhas muita empatia, de pronto, te parecerão que agora são diferentes a ti, enquanto outras, das quais não te havias aproximado antes, agora te parecerão bem mais interessantes.

O mundo te parecerá diferente, mas não o é. O mundo continua sendo o mesmo, és tu que tens mudado… e isso está bem.

Isto quer dizer que estás caminhando.

Essa é a senda do autodescobrimento. Esse é o caminho que te venho propondo.

É por isso que estou aqui.

É por isso que te venho falando no pessoal.

Basta já de seguir perguntando aos outros o que deves ou não fazer.

Basta já de seguir verdades alheias e crer nelas a ponto de ajustar tua vida ao que elas te indicam.

Basta já de seguir uma vida que não é tua, só porque alguém te disse.

É o momento de encontrar o teu próprio caminho.

É o momento de meditar e descobrir o que há por trás das etiquetas, por trás das verdades compradas, por trás das hipnoses que vens tendo inconscientemente por tantos anos.

Dentro de ti estão todas as portas.

Pergunta-te: o que quero para mim? Como quero viver minha vida? O que vale a pena buscar? O que me diz meu ser interno?

E, quando esse ser interno te responder… segue-o.

Só assim poderás dar-te conta de que és real. És tu, o verdadeiro tu. O que ficou enclausurado quando te ensinaram que tu eras João ou Maria, ou como te tenham posto a etiqueta.

Não importa se, de princípio, não escutas bem e sentes que te equivocaste, não importa se de imediato teu ser interno te pedo algo um pouco irracional, o que importa é que já estás em comunicação com ele.

Caso haja alguma patologia psicológica em tua mente e, de imediato, escutas vozes dizendo loucuras como, que deves destruir algo ou manchar alguma pintura famosa… tenha por certo que não é teu ser interno.

Teu ser interno jamais te pedirá algo que complique tua vida. Jamais porá em perigo tua vida nem a dos demais. Jamais te pedirá que faças algo violento ou que viole o direito dos demais de pensar como eles o desejem.

Dá-te conta de que em nenhum momento estou te obrigando a que faças o que te peço?

Há leis universais que impedem de violar o livre arbítrio dos seres humanos e por esta razão a isto estou chamando de uma revolução silenciosa, porque é uma revolução que inicia no interior e se propaga ao exterior quando o ser, consciente de seus atos, muda a sua conduta e começa a formar uma nova sociedade.

Porém, sempre através da harmonia e congruência entre sua paz interior e a conduta firme e consciente de sua personalidade.

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!