Em maio de 2012, a sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), da NASA, viu algo diferente na paisagem marciana – uma cratera de impacto fresca, mas conseguiu registrar apenas uma imagem em baixa resolução. Em comparação com imagens anteriores da mesma localização, perto do equador do planeta, os cientistas foram capazes de determinar que esta é a evidência de um evento de impacto muito recente, que ocorreu em algum momento entre julho de 2010 e maio de 2012.

Como o MRO passou sobre a mesma região no dia 19 de novembro de 2013, a câmera HiRISE (de alta definição) estava apontada para o local para capturar esta bela vista da jovem cratera.

A cratera é resultado de 1 dos cerca de 200 impactos de meteoritos que Marte recebe por ano, e é certamente uma das mais marcantes. Parece que um único meteorito se chocou contra a superfície marciana, criando uma cratera com uma largura de 30 metros e lançando material a cerca de 15 quilômetros de distância.

Marte tem uma atmosfera muito tênue, que não é capaz de proteger o planeta contra a colisão de corpos celestes pequenos, como a Terra faz. O material ejetado do impacto será, portanto, jogado sobre uma área mais ampla do que se o impacto acontecesse em nosso planeta. [Discovery News]

http://misteriosdomundo.com/

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!