Astrônomos descobriram o intrigante sistema binário de LRLL 54361 através do observatório infravermelho Spitzer e do telescópio espacial Hubble.
O par de jovens estrelas está localizado a aproximadamente 950 anos-luz da Terra, na constelação de Perseus, e sua maior peculiaridade é uma explosão de luz a cada 25,34 dias, que se propaga por meio do gás e poeira que o envolve. Compreender o que está causando a emissão de luz é uma tarefa difícil, visto que o sistema está oculto atrás de um denso e opaco disco de poeira e detritos.
“O sistema binário apresenta uma grande variação de brilho em um período exato de tempo, algo que é muito difícil de explicar”, disse o astrônomo James Muzerolle, autor principal do estudo que foi publicado recentemente na revista Nature.
Os olhos infravermelhos do Spitzer foram capazes de olhar através da poeira e discernir os sinais de um par de proto-estrelas que possui aproximadamente 100.000 anos de idade.
Os pesquisadores acreditam que os flashes de luz são causados pela aproximação das duas estrelas, que acaba arrastando o gás e poeira no disco. Esses detritos caem periodicamente em uma ou em ambas estrelas, explicando os flashes.

É a primeira vez que esse raro fenômeno é visto em um sistema binário tão jovem. A descoberta pode ajudar os astrônomos a compreender melhor o processo de nascimento e evolução das estrelas. [Space]
http://misteriosdomundo.com/

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!