O Serviço Geológico dos EUA;(USGS) fez as declarações com base em estudos recentes sobre o movimento de Nazca e placas sul-americanas.
Conforme relatado pelo noticiário ’90 segundos’, a lacuna sísmica que cobre o sul do Peru (Ilo, Moquegua e Tacna) e norte do Chile (Arica, Tarapacá e Mexilhões): O estudo afirma que ambas as placas de fricção farão com que um terremoto de entre 9 e 9,5 graus, superior ao de 2007, que devastou Pisco e Ica ocorra na localidade. No entanto, eles não sabem dizer quando isso vai acontecer ao certo. O último grande terremoto na região ocorrido em 1877, mas nove anos antes de outro de grande escala também foi registrado. Os cientistas acreditam que a primeira fratura deslocada de norte a sul, atingindo a altura de Arica, enquanto o segundo se acredita ter começado um pouco mais ao sul, para chegar perto Mejillones. Além disso, após o forte terremoto, uma tsunami grave causará danos à costa do Peru e do Chile, que também pode levar a problemas no Japão e Havaí. Note-se que um terremoto de 8,2 graus sacudiu Arica, Iquique e Tarapacá (18/3), deixando um saldo de seis mortos. Um forte tremor de magnitude 7,6 sacudiu a área 24 horas depois.

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!