Com Quase 70 anos de atraso – O FBI Abre em surdina os Arquivos Secretos que atestam HITLER foi para a Argentina em vez de cometer suicídio…
Leia o documento: http://vault.fbi.gov/adolf-hitler/adolf-…of-04/view
Em 30 de abril de 1945, Adolf Hitler suicida em seu bunker subterrâneo. Seu corpo foi descoberto mais tarde e identificado pelos soviéticos antes de ser levado de volta para a Rússia. É realmente possível , que os soviéticos – se – mentido todo esse tempo, propositadamente para a história ser reescrita ?
Ninguém pensava assim até a liberação dos documentos do FBI . Parece que é possível, que o homem mais odiado da história escapou da Alemanha devastada pela guerra e viveu uma vida bucólica e tranquila nos maravilhosos sopés da Cordilheira dos Andes .

A comunidade de inteligência sabia

Registros do FBI divulgados recentemente estão começando a mostrar que não só Hitler e Eva Braun tiveram suicídios falsificados , mas que a dupla infame pode ter tido a ajuda do diretor suíço dos OSS dos Estados Unidos, Allen Dulles.
Em um documentos do FBI de Los Angeles, é revelado que a agência estava ciente de um misterioso submarino fazendo caminho até a costa argentina levava para fora altos funcionários nazistas. O que é mais surpreendente é o fato estranho que o FBI sabia que ele estava de fato vivendo no sopé da Cordilheira dos Andes .

Arquivos

QUEM É O misterioso informante ?

Em uma carta ao escritório de Los Angeles , em agosto de 1945, um informante não identificado concordou em trocar informações de asilo político . O que ele disse aos agentes foi impressionante.
O informante não só sabia Hitler estava dentro Argentina , ele confirmou ser um dos quatro homens dentro do submarino alemão . Aparentemente, dois submarinos haviam desembarcado na costa argentina: Hitler e Eva Braun estavam a bordo do segundo.
O governo argentino não só Congratulou-se com o ditador alemão , como objetivamente também auxiliou no seu esconderijo. O informante não só passou a dar instruções detalhadas sobre as aldeias que Hitler e seu partido tinham passado ,como também os detalhes físicos credíveis sobre Hitler.
Embora por razões óbvias o informante nunca seja citado nos documentos do FBI , ele era confiável o suficiente para ser acreditado por alguns agentes.

O FBI tentou esconder paradeiro de Hitler.

Mesmo com uma descrição física detalhada, o FBI ainda dá indicações sobre como não acompanhar nova tese. Mesmo com evidências que colocaram o sub alemão U- 530 circundando a costa argentina pouco antes de chegar , e uma abundância de testemunhas oculares atestando que o oficial alemão foi deixado , ninguém investigado.
Ainda mais evidências são encontradas :
Junto com o documento do FBI detalhando uma testemunha ocular do paradeiro de Hitler na Argentina, mais evidências estão vindo à luz para ajudar a provar que Adolf Hitler e Eva Braun não morreram em seu bunker.
Em 1945, um Adido Naval em Buenos Aires havia informado a Washington que havia uma alta probabilidade de que Hitler e Eva Braun tinham acabado de chegar na Argentina. Isso coincidiu com as aparições do submarino U- 530. Adicionado à prova estão, sob a forma de artigos de jornais, detalhes da construção de uma mansão em estilo bávaro , no sopé da Cordilheira dos Andes .
Outra prova vem sob a forma de arquiteto Alejandro Bustillo que já escrevera sobre o seu projeto de construção de nova casa de Hitler. Tudo era financiado por ricos imigrantes alemães.

Provas irrefutáveis ​​de que HITLER ESCAPOU:

Talvez a evidência mais representativa de que Hitler sobreviveu a queda da Alemanha encontra-se na Rússia. Com a ocupação soviética da Alemanha, Hitler deveria ser escondido rapidamente e levado fora para a Rússia , para nunca mais ser visto novamente. Isso é até 2009, quando um arqueólogo de Connecticut State Nicholas Bellatoni foi autorizado a realizar testes de DNA em um dos fragmentos do crânio recuperado .
O que ele descobriu desencadeou uma reação através da inteligência e Comunidades acadêmicas. Não só a de que não encontrou nenhuma das amostras de DNA que se pensava ser de Hitler , como elas não correspondem ao DNA de Hitler ou de Eva Braun. Então a questão é , o que os soviéticos descobriram no bunker , e onde está Hitler ?
Mesmo formalmente e presidente Dwight D. Eisenhower escreveu a Washington.
Não era apenas o general Eisenhower que estava preocupado sobre o desaparecimento de Hitler , Stalin também expressou essa preocupação . Em 1945 , o jornal Stars and Stripes cita o General Eisenhower. Então, pode-se acreditar que existe a possibilidade real de Hitler ter vivido com segurança e conforto na Argentina.
Isso é possível?
Com todas as novas evidências encontradas vindo à luz , é possível , e muito estranho, que provavelmente Quem ajudou Hitler a escapar da Alemanha foi a ajuda da comunidade internacional de inteligência . Documentos do FBI divulgados provar que eram não só consciente da presença de Hitler na Argentina; Eles estavam também ajudando a encobri-lo.
Não seria a primeira vez que o OSS Ajudou um alto oficial nazista graduado a escapar da punição e captura.
Olhem a história de Adolf Eichmann http://history1900s.about.com/od/1960s/q…-Trial.htm Que foi localizado dentro da Argentina na década de 1960 .

Será que Hitler fugiu para a Argentina? A resposta é sim!

A Fuga de Hitler – Documentário [Dublado]

Sinopse:
Segundo consta nos documentos públicos, Adolf Hitler suicidou-se no seu bunker subterrâneo enquanto as tropas aliadas tomavam Berlim no final da II Guerra Mundial. Mas o facto é que ninguém o viu morrer. Jamais se encontrou o cadáver. Nem se fizeram fotos. Há quem acredite que Hitler conseguiu escapar. Durante anos viu-se, supostamente, o antigo ditador em muitos lugares do mundo. Então, nos anos 90, os Russos revelaram que, décadas antes, tinham encontrado provas determinantes no bunker de Hitler que confirmavam que o ditador tinha morrido ali. Entre estas provas há uma peça de crânio. Mistérios sem resolver conseguiu aceder a estas provas para verificá-las. Os resultados são alarmantes.

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!