Em 2030, a Rússia começará a colonizar a Lua, segundo afirma em sua edição de 08 de maio o jornal russo Izvestia, que conseguiu tomar conhecimento do projeto de conceito do programa lunar russo desenvolvido por empresas da Roscosmos, Institutos da Academia das Ciências da Rússia e a Universidade Estatal de Moscou.

De acordo com o jornal, o projeto prevê, entre outros alvos, “criar uma base lunar com um polígono de mineração”.

Mais cedo, em 11 de abril, o vice-primeiro-ministro russo, Dmitri Rogozin, observou em um artigo publicado no jornal Gazeta Russa que os objetivos estratégicos da Rússia na exploração do espaço se centram em elevar a presença do país em órbitas baixas da Terra, colonizar a Lua e começar a explorar Marte e outros corpos no Sistema Solar.

“Os autores do projeto não descartam que os programas lunares possam ser apoiados por investidores privados”, especifica o Izvestia, acrescentando que “as primeiras expedições e o desembarque de cosmonautas, cuja missão consistirá em estabelecer uma base lunar permanente, são planejados para 2030”.

“Nos próximos 20 ou 30 anos, as principais potências espaciais irão explorar e estabelecer seu controle sobre as áreas estratégicas da superfície lunar com vista de assegurar para si futuras oportunidades de sua utilização prática”, concluem os autores do artigo. [Fonte]

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!