SAIBA TUDO AQUI:  em 1964, havia o MEC/USAID, o   * Ipes  e o   **Ibad.   Hoje, o Millenium, braço direito da Globo.

A Globo cedia crachás aos militares para se passarem por jornalistas para eles poderem escolher quem seria torturado.

Alem disso, em 1964, havia o  * Ipes  e o   **Ibad.   Hoje, o Millenium, braço direito da Globo.

O papel hoje, desse tal Instituto Millenium, e a infiltração nas principais mídias tradicionais do país, usando o poder de influência,  já que a presença nos quadros do instituto de jornalistas e “especialistas” com acesso fácil aos grandes meios de comunicação leva suas “notícias” rapidamente ao centro do debate nacional.

“Não é mera coincidência a preferência dos integrantes do Instituto Millenium pela subordinação do Brasil aos grandes centros financeiros internacionais e sua ojeriza diante das relações harmônicas entre governos latino-americanos.”
1964, de Dreifuss, é a obra mais completa para compreender o golpe militar no Brasil.

Contra as versões, fatos

Conhecendo as ações do instituto e seus personagens fica mais fácil compreender como certos assuntos tornam-se destaque de uma hora para outra. A presença nos quadros do instituto de jornalistas e “especialistas” com acesso fácil aos grandes meios de comunicação leva suas “notícias” rapidamente ao centro do debate nacional.

E fica difícil contra-argumentar com colaboradores do Millenium, não pela qualidade de seus argumentos, mas pela força de persuasão dos veículos pelos quais difundem suas ideias.

Como retrucar, com igual alcance, comentários de Carlos Alberto Sardenberg, na CBN, de Ricardo Amorim, na IstoÉ, na rádio Eldorado e no programa Manhattan Connection, da GloboNews, de José Nêumanne Pinto, no Estadão e no Jornal do SBT, de Ali Kamel, diretor de jornalismo da TV Globo, entre tantos outros?

* IPES (Instituto de Pesquisas e Estudos Sociais), como uma organização político-militar, a elite orgânica dos interesses multinacionais e associados.

**IBAD ( Instituto Brasileiro de Ação Democrática) foi uma organização  anticomunista fundada em maio de 1959, por Ivan Hasslocher. Ao lado dele, vários empresários fariam parte desta organização e da sua entidade-irmã, o Instituto de Pesquisas e Estudos Sociais (IPES), constituída dois anos e meio depois. Entre eles, Gilbert Huber Jr., Glycon de Paiva e Paulo Ayres Filho.  Em entrevista concedida em 1998 à Folha de São Paulo, o general reformado Hélio Ibiapina revelou que o IBAD possuía ligações com a CIA estadunidense, e que ele foi encarregado pelo general Castelo Branco de confirmar a veracidade da informação.1 O Instituto acabou sendo extinto em dezembro de 1963, por ordem judicial.

leia na íntergra :

“Laurindo Leal: Em 1964, havia o Ipes e o Ibad. Hoje, o Millenium”
http://www.viomundo.com.br/politica/laurindo-leal-em-1964-havia-o-ipes-e-o-ibad-hoje-o-millenium.html

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!