A cura espiritual é um tema que a cada dia vem sendo mais abordado, saindo dos paradigmas que sempre a cercaram desde o início dos tempos, vem ganhando grande notoriedade no meio médico e científico, sendo até mesmo estudada e comprovada por pesquisadores respeitados e renomadas instituições de pesquisas como a USP.

Quando falamos em cura espiritual devemos antes de tudo esclarecer alguns pontos importantes. Recordemos que o corpo físico do qual estamos agora é habitado por um espírito ou “alma”, e esse ultimo é o que consideramos ser a inteligência de um indivíduo, onde estão todas as informações, sendo o corpo somente um aparato onde o espírito possa se manifestar e realizar suas tarefas físicas na terra.

Portanto temos além dessa divisão uma mais importante, as doenças podem se manifestar tanto no espírito como no corpo, ou um sobre o outro. Existe um grande complexo energético envolvido ao corpo físico dos quais formam centros de energias, são os conhecidos chakras, cada um com sua função e localização específica.

Os chakras são os centros energéticos do corpo, em cada um vamos encontrar um tipo de energia específica por cada região do corpo físico e energético. Seguindo esse raciocínio concluímos que o corpo físico está totalmente interligado ao corpo espiritual, e realizam ações um sobre outro constantemente.

Cirurgia Espiritual

A cirurgia espiritual é o procedimento em que um espírito através de um médium de efeitos físicos ou não opera o paciente. Essa operação pode ser feita tanto no corpo físico como também no próprio espírito, dependendo de onde esteja o desequilíbrio que cause a doença.

Os espíritos envolvidos nesses procedimentos geralmente são médicos que já estiveram encarnados na terra e agora continuam seu trabalho no plano espiritual juntamente com suas equipes, todo o procedimento é realizado energeticamente, ou seja, a energia é a única e mais potente forma de realizar um procedimento que muitas vezes para a medicina local seria impossível.

Há inúmeros casos de cirurgias extremamente complexas que jamais poderiam ser realizadas na terra, mesmo nos centros mais desenvolvidos, e o que mais chama a atenção são os sinais que esses procedimentos deixam nos pacientes, servindo como provas de tais procedimentos como, por exemplo, áreas do cérebro inacessíveis a nossa tecnologia, e muitas vezes tumores incuráveis e até mesmo doenças que a medicina ainda nem conhece, ou não tem uma explicação para tal.

A medicina espiritual é extremamente desenvolvida, e não há limites para sua aplicação, isso porque além da parte pratica é envolvido também o espírito, muitas das doenças do corpo físico provém de um corpo físico doente e desregulado.

Alguns pré-requisitos são fundamentais para a realização de uma cirurgia espiritual, assim como na terra uma cirurgia necessita passar por toda uma preparação e uma série de cuidados para que tudo seja realizado com a mais perfeita harmonia e com toda a limpeza possível, não é diferente quando se trata de uma cirurgia espiritual. Primeiramente é necessário que o próprio paciente esteja preparado para receber a mesma, isso se realiza com uma alimentação leve, desprovida de alimentos pesados e carregados como exemplo a carne, dando espaço a cereais, frutas e legumes que são energicamente mais leves, além da ingestão freqüente de água e o mais importante: manter bons pensamentos e realizando orações com o objetivo de elevar a vibração.

A equipe também precisa estar preparada para tal procedimento, tanto a equipe encarnada quanto a desencarnada devem estar concentradas para o trabalho, que é extremamente sério, muitos se enganam ao pensar que uma cirurgia espiritual não envolve riscos, a quantidade de energia utilizada para o procedimento é inimaginável, e requer a maior destreza possível de todas as partes.

É muito estudado pela ciência a forma como muitos pacientes são operados utilizando até mesmo instrumentos cirúrgicos sem sentirem nenhuma dor, e tampouco sofrerem de nenhuma conseqüência como infecção ou inflamação no corte, segundo a literatura isso acontece porque é aplicado ao paciente durante a preparação substancias ainda desconhecidas pela medicina, e que permitem o sucesso de tais ações.

O ambiente é outro ponto de suma importância, pois assim como um centro cirúrgico é detalhadamente pensado para receber o procedimento, o local escolhido também deve ser o mais limpo possível, longe de sons altos, de preferência em áreas com muitas plantas ou próximas a natureza a fim de manter o máximo de equilíbrio possível, geralmente os lugares são destinados somente para esse trabalho.

Uma informação que devemos ressaltar quando falamos em cirurgia ou tratamentos espirituais e energéticos, é a de que jamais o paciente deve deixar o tratamento terreno, isso porque na maioria das vezes o tratamento aplicado pelas equipes espirituais não tem o objetivo de curar totalmente a doença, mas sim auxiliar o tratamento já em andamento e principalmente estimular uma mudança nos hábitos daqueles que recebem tal procedimento. Outro objetivo desse trabalho também é evitar doenças que poderiam ser graves, e que ainda se encontram em nível espiritual e ainda não atingiram o corpo físico.

A aplicação de tais procedimentos requer uma série de requisitos que ainda não são tão claros, uma das teorias mais discutidas e mais aceitas é que a escolha para que se receba uma cirurgia ou tratamento espiritual  acontece de acordo com o merecimento e a vida pregressa da pessoa, tendo com certeza outros inúmeros detalhes envolvidos.

É notável o quão comum estão se tornando tais procedimentos, e os mesmo estão acontecendo junto com uma maior assimilação pela sociedade em geral de que as energias providas de inúmeras fontes (de acordo com a crença de cada um) realizam mudanças em nosso corpo e espírito, abrindo assim novos horizontes ao desenvolvimento humano em todas suas formas e classes.

About Author

Médico Veterinário; Professor; Acadêmico de Medicina. Realiza pesquisas nas áreas da Ciência, Espiritualidade, Ufologia e cotidiano. Tem como objetivo o desenvolvimento de novas teorias e a disseminação do conhecimento para interesse comum.