Desde que nascemos, NÓS SOMOS PROGRAMADOS A ASSOCIAR SUCESSO A BENS MATERIAIS. Faz parte do nosso sistema econômico. Bens materiais, há tempos, são mais importantes do que felicidade, relacionamentos e contentamento. Mas não precisa ser assim.

Mais do que gritar contra este sistema, podemos entendê-lo e viver dentro dele da melhor forma possível. PODEMOS AGIR E FAZER ESCOLHAS DE FORMA CONSCIENTE. Por consciente, queremos dizer pensar de fato qual a utilidade de determinada ação minha.

Quando falamos de consumo, quais os motivos que estão me levando a consumir determinado produto ou serviço. Veja, só VOCÊ pode dizer o que é bom ou não para VOCÊ. Se você quer comprar uma televisão maior, isto é uma escolha sua. Mas é importante ter CONSCIÊNCIA sobre por que você quer trocar de televisão. Quando a resposta para esta pergunta não é óbvia, então você tem uma boa oportunidade de rever suas escolhas.
QUANDO NOSSAS ESCOLHAS NÃO SÃO CONSCIENTES, ENTRAMOS EM UMA ESPIRAL DE VIVER A VIDA PERSEGUINDO BENS MATERIAIS QUE NUNCA NOS SÃO SUFICIENTES.

Em um momento precisamos do novo celular maior e de metal, no seguinte de um novo carro novas tecnologias, depois um apartamento maior porque as coisas já não cabem no atual. Ganhamos dinheiro e o gastamos a maior parte dele renovando nosso estoque de roupas, eletrônicos e acessórios.

QUE TAL DAR UM PASSO PARA TRÁS E REPENSAR A NOSSA RELAÇÃO COM OS BENS MATERIAIS?! E vejam, por favor, também piramos em tudo isso. Só estamos propondo que podemos dar uma CHANCE AO SUFICIENTE e desviar o foco dos bens materiais para a nossa própria felicidade e o nosso próprio bem estar.

1. CONHEÇA O SEU SUFICIENTE!
Conhecer o seu suficiente significa ter CONSCIÊNCIA SOBRE O QUE É REALMENTE NECESSÁRIO PARA TE FAZER FELIZ E EM PAZ. O “suficiente” é diferente de pessoa para pessoa. Para alguem, ter um IPHONE 6 pode estar “dentro do suficiente” porque é importante para o seu trabalho; para outra pessoa ter um este mesmo celular pode estar acima do suficiente porque ela só usa o celular para ligar, falar no whatsapp e checar o instagram.
QUANDO CONHECEMOS E ACEITAMOS O NOSSO SUFICIENTE, COMEÇAMOS A VERDADEIRAMENTE NOS LIBERTAR DO SISTEMA.

Entendemos que determinados bens não vão aumentar a nossa felicidade. Quando realmente compreendemos isso, podemos investir este mesmo dinheiro em outras coisas que nos fazem sentir mais vivos, como viajar com a sua mulher ou simplesmente trabalhar menos e com menos preocupação.
Quando você aceita o seu suficiente, você pode até trocar aquele emprego que te faz infeliz por um que lhe permite viver de forma mais autêntica e realizada.

2. NÃO VIVA PARA IMPRESSIONAR!
Busque uma verdadeira CONSCIÊNCIA sobre quem são as pessoas verdadeiramente importantes para você e o que elas esperam de você. Em geral, VOCÊ VAI PERCEBER QUE AS PESSOAS QUE MAIS TE AMAM SÃO AS QUE MENOS SE IMPORTAM COM A MARCA DO SEU CARRO.

Infelizmente todos nós somos programados para tentar impressionar quem nem conhecemos. E nem entendemos exatamente por quê. Este é o ponto: QUANDO NOS LIBERTAMOS DA NECESSIDADE DE IMPRESSIONAR OS OUTROS, DEIXAMOS DE SER “OBRIGADOS” A NOS VINCULAR A UMA INFINIDADE DE BENS MATERIAIS.

Podemos focar apenas naqueles que nos são realmente úteis. Apenas naqueles que realmente nos trazem uma EXPERIÊNCIA DE QUALIDADE DE VIDA.

A maior parte das pessoas que conhecemos estão dentro de uma dessas duas armadilhas (incluindo nós mesmos): vivem buscando aquilo que não precisam e coordenam suas ações pensando em impressionar ao próximo. Já parou para perceber que existem pessoas que têm tudo, mas são infelizes?!

E outras que vivem sorrindo mesmo com tão pouco?! É porque felicidade e bens materiais não estão diretamente relacionados de forma positiva. LEMBRE-SE que a sociedade que lhe convence de que sucesso é “ter mais” é a mesma que vive com altos índices de infelicidade, sobrepeso, violência, stress.
Todos nós podemos viver de forma mais plena e autêntica agora mesmo. Tudo começa dentro de nós. Não é reclamando do sistema e nem se escondendo do jogo que vamos chegar lá. É, antes, um esforço de AUTOCONHECIMENTO E AUTO ACEITAÇÃO. A partir dai você vai se sentir tão livre que sua vida vai ganhar uma infinidade de cores. E paz. Muita paz.

Persiga seu propósito sem medo. E dê uma chance ao suficiente!

FONTE

About Author

Reikiana, praticante e apaixonada por Yoga, a estudante de Design de Moda pela UCS, Manoela desenvolveu um grande interesse na conexão espiritual entre o passado, presente e o futuro da humanidade, seus caminhos e mudanças ao longo dos séculos. Suas pesquisas para o Verdade Mundial vem sendo amplamente visualizadas nas áreas da sociedade, história e religião.