No ar há mais de 20 anos, a novela Malhação, da Rede Globo, renova temporadas e público a cada ano, mas mantém boa audiência entre os adolescentes.

Na última sexta-feira (11), uma cena que mais parecia um comercial de empresa que vende carne chamou a atenção dos telespectadores. Para assistir à cena inteira gratuitamente no Globo Play, acesse os links a seguir: Vídeo 1 Vídeo2  Vídeo3

Tudo começa quando um personagem chamado Max tenta convencer Rafa, sua amiga, a provar um pastel de carne. Ela agradece e nega, se dizendo vegetariana por compaixão aos animais. Max insiste e diz que ela deve até estar com falta de proteína por não comer carne.

vegetarianosPreocupada, a adolescente vai até o pai e ele a tranquiliza dizendo que não tem nada errado com ela já que ela consome laticínios e ovos. O pai dá a nítida impressão de que ela não estaria bem se fosse vegana, se não consumisse nada de origem animal. Ele fala como se alimentos vegetais não tivessem proteína.

Na sequência, o pai da menina a desafia a provar carne para que tenha certeza de que não gosta do produto. Todos na mesa, incluindo adolescentes e adultos, criam uma situação em que a jovem não se sente confortável e, sob pressão, pega um pedaço de carne. Ela experimenta e adora o que come e todos ficam muito felizes porque ela deixou de ser vegetariana naquele momento.

A namorada do pai reforça, dizendo que ele conseguiu com que a filha comesse carne e que isso abrirá muito os horizontes dela. Fica subentendido que uma pessoa vegetariana é, na visão do autor da novela, limitada e infeliz. A temporada atual de Malhação foi escrita por Emanuel Jacobina.

Toda a cena é repleta de piadinhas clássicas usadas contra vegetarianos e de uma irresponsabilidade singular. O autor do texto deveria incentivar a aceitação das diferenças, ao invés de fazer com que a personagem Rafa deixasse de ser vegetariana.

Assim como existem pessoas ignorantes e preconceituosas que acreditam em coisas absurdas como a “cura gay”, a cena de Malhação mostrou que o autor Emanuel Jacobina acredita em “cura vegetariana”. Bastou a personagem experimentar um pedaço de carne para se esquecer dos motivos pelos quais não comia carne antes. Realmente lamentável.

Nota: Esta foi uma das cenas mais lamentáveis que já vi.  Isso seria medo das mudanças de paradigma? Ou estão com medo de perder dinheiro? Primeiro porque: As industrias de carne fazem parte dos maiores patrocinadores da emissora. E segundo, com toda evolução e revolução de consciência que estamos tendo atualmente, pessoas mudando seus cardápios para ter uma vida saudável, o movimento vegetariano/vegano tem crescido com uma força gigantesca, falando verdades que, por serem indesejadas para a maioria, se torna alvo de críticas distorcidas. As emissoras não estão nem aí pra tua saúde. Elas só querem ganhar DINHEIRO. Então fica meu recado, se liguem. E antes de levar tudo que divulgam na TV como verdade, busquem conhecimento nos livros e até na internet que temos uma variedade enorme sobre o movimento vegetariano e vegano.

FONTE

About Author

Reikiana, praticante e apaixonada por Yoga, a estudante de Design de Moda pela UCS, Manoela desenvolveu um grande interesse na conexão espiritual entre o passado, presente e o futuro da humanidade, seus caminhos e mudanças ao longo dos séculos. Suas pesquisas para o Verdade Mundial vem sendo amplamente visualizadas nas áreas da sociedade, história e religião.