O Grande Sol Central

0
O GRANDE SOL CENTRAL é o centro do cosmo e o ponto de integração do Espírito para a matéria. O ponto de origem de toda criação física e espiritual. É a manifestação física do Ser Absoluto, o Brahman, o Criador. O Principio do Universo de cuja essência tudo emana e para onde tudo volta.
O ESPAÇO CÓSMICO é o grande útero receptor das vibrações e energias que provem do Grande Sol Central. Este espaço cósmico uterino acolhe e dá sustentação a todas as emanações de energia do Sol Central.
As GALÁXIAS foram geradas deste Grande Centro Solar e gravitam em seu torno. Elas são em si, também SÓIS CENTRAIS menores, com SISTEMAS SOLARES menores ainda, girando ao seu redor.
O Grande Sol Central e seu infinito potencial de energia, sustenta e provê todas as necessidades das galáxias que estão ao seu redor. O Sol de cada Galáxia sustenta e provê todas as necessidades dos sóis centrais dos Sistemas Solares. Tudo provem do centro do universo, tudo provem do UM CENTRAL, O GRANDE SOL CENTRAL. Cada um destes SÓIS, são auto geradores de energia, através de suas polaridades positiva e negativa do ser. São Alfa e Ômega, incandescentes em seu interior, e que se esfriam na periferia.
Os Sistemas Solares, também possuem um SOL CENTRAL e um ESPAÇO UTERINO receptor, onde estão os PLANETAS. O SOL do nosso sistema é a Estrela Divina Sirius, localizado na Constelação Cão Maior. SIRIUS é o Sol do nosso Sol, o Sol da nossa Galáxia.
O Sol físico carrega também a força espiritual das consciências de SER do Grande UM. Influencia a todas as outras estrelas e sistemas solares, visíveis ou invisíveis, incluindo cada filho e filha de Deus. Lá está situado o centro administrativo da nossa Via Láctea. Na estrela Alpha de Canis Majoris (vulgarmente chamada de Sírius) encontra-se a estrela tríplice de SIRION, a qual e composta por:
SIRION – Poder executivo, dirigida por Sananda (Jesus) e Madalena.
ATRIX – Controle das informações e dos arquivos evolutivos para o Sistema Solar, dirigido pelo Mestre Kuthumi e Clara.
AVAARÁ – Representa a estrela do amor universal, para a nossa Via Láctea, dirigida pelo Mestre Maitreya.
A participação destes Mestres que aqui encarnaram limitava-se somente a evolução setorial do nosso sistema Solar, mas como a evolução desses magníficos Mestres superou as expectativas, eles obtiveram a permissão de coordenar outros centros evolutivos desta galáxia.
Os PLANETAS formaram-se pelo mesmo processo de esfriamento externo, com um SOL CENTRAL e matéria gravitando ao seu redor. GAIA, a grande mãe natureza da Terra, recebe o comando e as vibrações da união entre o SOL em seu centro e a cadeia Solar. Desde o Sol Central e Sirus.
No mesmo esquema surgiram os seres biológicos constituindo os MICROCOSMOS, que são uma nova dimensão do SER, gravitando também em torno de um SOL CENTRAL, que é de natureza atômica. É o NÚCLEO DO ÁTOMO que vibra no coração de todo ser vivente. É igual a todos os sois do universo, integrando a realidade simultânea de toda a CADEIA SOLAR.
Através de SÍRIUS penetram as diretrizes da GRANDE LEI, do GRANDE SOL CENTRAL. Passam pelo SOL DO NOSSO SISTEMA governados por HÉLIOS E VESTA até chegar ao nosso planeta e aos nossos corações.
O nosso coração é o nosso CENTRO SOLAR. As energias, consciência e diretrizes do Grande Sol Central, depois de transformadas por todos estes sóis que rebaixam esta energia, penetram o interior do microcosmo do homem até o CHACRA SECRETO, atrás do chacra do coração, onde habita o nosso Eu Superior. Se recebêssemos esta energia diretamente do UM CENTRAL, seríamos destruídos completamente. É como se ligássemos toda a energia da hidroelétrica de Itaipu a uma pequena residência de uma cidade. Ela explodiria.

Portanto, quando astrologicamente se diz que o Sol rege o coração do homem, devemos interpretar à luz destes conhecimentos trascendentes. O coração é o ponto de integração com a Unidade do Universo. E quando, por fim, conseguirmos nos libertar de todo o peso que carregamos inutilmente, vida após vida, ativaremos a Luz do grande Sol Central dentro de cada célula de nossos corpos. Alcançaremos assim nosso estado de direito: o da Abundância Divina.

Sejamos felizes!

About Author

Trabalha na área de Controle de Qualidade em uma empresa Suíça. A espiritualidade fez com que Marluce despertasse espiritualmente. Sem um certo nível de consciência espiritual é impossível perceber a magia da vida.