As 100 maiores descobertas da história Genética [completo]

0

Este video sobre genética é um documentário muito interensante, pois apresenta-nos uma retroespectiva sobre os factos mais marcantes de Mendel no que diz respeito ao genoma humano. Este documentário aborda vários temas, tais como, leis da hereditariedade, os genes estão localizados nos cromossomas, os genes controlam eventos bioquímicos, transposomos, o DNA carrega o material genético, dupla élice, RNA mensageiro, o código genético, enzimas de restrição, splicing alternativo do DNA, DNA minissatélite, RNA de interferência, 25.000 genes.

Leis da hereditariedade

Ao longo da história existiram muitas teorias para tentar explicar a genética. Mendel ocupou um lugar de destaque para a questão, porque é que sou parecido com os meus pais?, tento descoberto as leis da hereditariedade.

Durante 7 anos, Mendel cruzou e produziu híbridos de plantas com caraterísticas destintas e concluiu que essas caraterísticas se mantinham distintas. Este cientista demonstrou que os genes eram herdados por uma certa percentagem dos seus descendentes. Esta caraterística pode ser inofensiva, mas também pode provocar doenças.

Genes localizados nos cromossomas

Vários anos mais tarde o cientista Thomas Morgan descobriu que os genes se encontram nos cromossomas. Este cientista utilizou moscas, analisando a cor dos seus olhos e cruzando moscas de olhos de cores diferentes, para testar a sua teoria.

Genes e eventos bioquímicos

George Beadle e Edward Tatum concluíram através de diversas experiências (mosca da fruta/bolor do pão) que a função característica de um gene era a de controlar a formação de uma enzima específica. O trabalho realizado lançou as bases da genética bioquímica.

Transponsos

Barbara MacClintock estou a genética do milho e chegou a conclusão que a informação nunca fica imobilizada. Esta cientista estudou o fenómeno conhecido como transposição genética, a partir dos elementos genéticos moveis.

DNA / material genético

Alfred Hershey e Martha Chase, em 1952, realizaram várias experiencias e confirmaram que é o DNA que controla o material genético, fazendo com que a comunidade cientifica aceitasse que é a molécula de DNA que contém a informação.

Dupla hélice

O acesso ao raio X da molécula DNA (estudado por Rosalind Franklin) foi um fator determinante para a descoberta, por James Watson e Francis Crick, em 1953, que a estrutura do DNA é uma dupla hélice.

RNA mensageiro

O material genético representado pelo DNA contém uma mensagem em código que tem de ser decifrada e traduzida em proteínas, que atuarão nas reações metabólicas das células. Inicialmente, essa mensagem deve ser passada para moléculas de RNA que, por sua vez, orientarão a síntese de proteínas. A transcrição é um processo indireto, que consiste no controlo da atividade celular pelo DNA, ocorrendo por meio da fabricação de moléculas de RNA.

Código Genético

Marshall Nirenberg liderou várias experiências que originaram a descoberta do código genético. Foi encontrado o princípio organizador da biologia molecular, a partir da descodificação de que o código genético faz parte da dupla hélice.

Enzimas de restrição

As primeiras ferramentas descobertas foram as “tesouras moleculares”, ou seja, a classe de proteínas chamadas enzimas de restrição. Estas enzimas são produzidas pelas bactérias para resistir à infeção dos vírus que as parasitam e reconheçam determinadas sequencias de DNA viram, fragmentando as moléculas nesses locais.

Splicing / DNA

A descoberta de que alguns genes são capazes de notificar mais do que uma proteína, permitiu aos cientistas grandes avanços em aplicações biomédicas.

DNA minissatélite

Alec Jeffreys, em 1954 descobriu uma variante do DNA, formada por sequencias idênticas e curtas de DNA que se repetiam continuamente tendo-se, assim, descoberto a primeira impressão digital no DNA.

RNA de interferência

Andrew Fire e Craig Mello, em 1997, descobriram o RNA de interferência, que é um mecanismo biológico que desativa os genes.

25.000 genes

Com a descoberta do código genético foi parcialmente desvendado o mistério que nos torna humanos. Descobriu-se que existia apenas uma pequena fração de genes (26.000) e que os humanos são quase idênticos uns aos outros. [FONTE]

Dica do leitor Gilberto Melo

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!