O misterioso Planeta 9 pode estar inclinando o Sistema Solar

0

Lembra-se de Nibiru, o planeta que Sitchin diz que vem nos visitar de vez em quando?  Após ler a notícia abaixo, que está circulando pela Internet, não pude deixar de pensar nele:

Astrônomos estão mais confiantes do que nunca de que um enorme planeta, o Planeta 9, ainda não foi descoberto – porque ele provavelmente está inclinando o Sistema Solar.

Desde o começo deste ano, os cientistas acreditam que um mundo ainda não visto está em algum lugar na fronteira do Sistema Solar. Mas agora, um novo estudo sugere que o Planeta 9 possa ser responsável pela inclinação que faz parecer com que o Sol esteja fora de ângulo em relação ao restante dos planetas.

O Planeta 9 foi primeiramente teorizado num estudo dos pesquisadores da Caltech, Kostantin Batygin e Mike Brown, que usaram simulações computacionais e modelos matemáticos para postular sua presença. Apelidado de Planeta 9, acredita-se que este objeto seja dez vezes mais massivo do que a Terra e orbite 20 vezes mais longe do que Netuno, o que significa que demoraria entre 10.000 e 20.000 para ele completar uma órbita ao redor do Sol.

Elizabeth Bailey, uma aluna de graduação da Caltech, acompanhou o estudo com Brown, Professor de Astronomia Planetária, aplicando a presença do Planeta 9 à um velho enigma: Por que o Sistema Solar é inclinado?

Todas os planetas orbitam num plano achatado em relação ao Sol, com a diferença de somente alguns graus uns dos outros. Mas o plano está inclinado a seis graus em relação ao Sol, fazendo parecer com que nossa estrela esteja fora de ângulo.

Os astrônomos nunca foram capazes e encontrar uma razão para esta inclinação, mas se o Planeta 9 estiver lá fora, ele poderia explicar tudo.

Bailey disse:

“Devido ao fato do Planeta 9 ser tão massivo e possuir uma órbita inclinada quando comparada aos outros planetas, o Sistema Solar não tem escolha a  não ser vagarosamente se deformar fora de alinhamento.”

Brown e Batygin suspeitavam originalmente que o Planeta 9 existia, devido ao seu efeito nas órbitas de objetos no Cinturão Kuiper, dizendo que esta ideia mostra como esse mundo ‘invisível’ poderia também estar afetando a parte interna do Sistema Solar.

Batygin, um professor assistente de ciência planetária, disse:

“Isto continua a nos impressionar; toda vez que olhamos cuidadosamente, continuamos a achar que o Planeta 9 explica algo sobre o Sistema Solar que havia sido um mistério por muito tempo.”

Com base nos cálculos de Brown e Batygin, o Planeta 9 tem uma órbita com aproximadamente 30 graus de diferença do plano dos outros planetas. Devido à sua localização e enorme tamanho, ele tem um grande impacto no Sistema Solar como um todo. Contudo, o plano achatado dos outros oito planetas asseguram que o sistema continue girando – somente com uma pequena vacilação.

Agora que isto provavelmente está resolvido, os astrônomos têm uma outra questão para resolver – o que deu ao Planeta 9 uma órbita anormal?  E, incidentalmente, onde ele está?  A pesquisa do céu noturno para sua localização projetada poderia levar mais de três anos, disse Brown.

Fonte

Colaboração: Diana Artemis

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!