Muito além dessa Região da Mente Universal ou da Mente Terrestre, está o Mundo das Causas Naturais. Se alguém não fabricou um corpo causal para seu uso particular, como poderia explorar o Mundo da Causação Cósmica, como poderia viajar em corpo causal? Como poderia conhecer o Mundo das Causas Naturais? Uma pessoa tem de estudar a própria vida causativa, tem de haver descoberto as causas de seus erros, haver conhecido a si mesmo para poder ter direito a converter-se em um Homem Causal.

Só o Homem Causal pode viver conscientemente no Mundo Causal, só o Homem Causal pode viajar pelo Mundo das Causas Naturais, só o Homem Causal tem acesso aos arquivos secretos da Região Causativa. No Mundo das Causas Naturais predomina novamente o azul intenso, profundo. Os Adeptos do Mundo Causal trabalham pela Humanidade, nós os vemos vestidos em forma similar à daqui, do mundo Terra. Têm seus templos e estão muito ocupados nos trabalhos que se relacionam com o bem-comum.

No Mundo das Causas Naturais, encontramos a Lei da Balança. O Homem Causal trabalha sempre de acordo com a Balança Cósmica, vive no mais perfeito equilíbrio. No Mundo Causal descobrimos que não há efeito sem causa nem causa sem efeito. A causa transforma-se em efeito e o efeito converte-se em uma nova causa que origina, por sua vez, outro efeito. As leis de causa e efeito são reais e as conhecemos a fundo quando as investigamos no Mundo das Causas Naturais.

O Homem Causal é o homem que fabricou um corpo causal, o Homem Causal é aquele que já tem uma Vontade Individual. Devemos dizer, de forma enfática, que o “animal intelectual” equivocadamente chamado Homem não possui ainda uma verdadeira Vontade.

Obviamente, o animal intelectual ainda não é um Homem no sentido mais completo da palavra. Quando alguém se deu ao luxo de fabricar um corpo causal, ou um corpo da vontade consciente, sabe o que é verdadeiramente a Vontade. Se pensamos na multiplicidade do Eu Psicológico, se pensamos que cada um dos defeitos que possuímos está perfeitamente representado por um agregado psíquico inumano, vamos descobrir, com toda clareza, que temos muitas “vontades”. Cada agregado psíquico é como uma entidade tenebrosa em nós, personificando algum erro, e possui sua própria “vontade”.

Assim, os diversos agregados que moram em nós representam distintos impulsos volitivos. Portanto, há muitas “vontades” no fundo de nossa psique, que se chocam entre si. O animal intelectual não possui uma Vontade autóctone, independente, íntegra, unitotal, não há unicidade na “vontade” do animal intelectual. Mas quando alguém criou o corpo da vontade consciente, então dispõe de uma Vontade Individual, com a qual pode trabalhar no Universo inteiro. No Mundo das Causas Naturais encontramos os Homens Causais, aqueles que já criaram o corpo da vontade consciente.
Como poderíamos conhecer o Mundo Causal, se antes não tivermos conhecido as causas de nossos próprios erros? Como poderíamos conhecer o Mundo Causal, quando ainda não conhecemos nossas próprias causas equivocadas? Na realidade de verdade, repito, quem quiser conhecer os Mundos Internos do planeta Terra deverá, antes de tudo, começar por conhecer seus próprios mundos interiores. Isso requer autoexploração e trabalho consciente sobre si mesmo…

FONTE

About Author

Trabalha na área de Controle de Qualidade em uma empresa Suíça. A espiritualidade fez com que Marluce despertasse espiritualmente. Sem um certo nível de consciência espiritual é impossível perceber a magia da vida.