Os cataclismos que subitamente ocorrem no seio da natureza, provocando devastações e danos em massa, não são “obras de Deus”. Essas catástrofes resultam dos pensamentos e ações dos homens.

Onde quer que o equilíbrio vibratório do mundo entre o bem e o mal seja perturbado por um acúmulo de vibrações nocivas, resultantes de pensamentos e procedimentos errôneos do homem, veremos destruições como as que experimentamos recentemente (1938).

O mundo continuará a ter guerras, calamidades naturais até que todos os povos corrijam seus erros de pensamento e de comportamento. As guerras ocorrem não por uma ação divina fatal, mas pela disseminação do egoísmo natural. Elimine-se o egoísmo individual, industrial, politico, nacional e não haverá mais guerras.

Quando a materialidade predomina na consciência do homem há uma emissão de raios negativos sutis, seu poder cumulativo perturba o equilíbrio elétrico da natureza, e então ocorrem terremotos, enchentes e outros desastres. Deus não é responsável por eles!

O homem tem que controlar seus pensamentos antes de poder controlar a natureza!

(Yogananda)

About Author

Reikiana, praticante e apaixonada por Yoga, a estudante de Design de Moda pela UCS, Manoela desenvolveu um grande interesse na conexão espiritual entre o passado, presente e o futuro da humanidade, seus caminhos e mudanças ao longo dos séculos. Suas pesquisas para o Verdade Mundial vem sendo amplamente visualizadas nas áreas da sociedade, história e religião.