Como foram construídas, quem ao certo construiu, não se sabe, as probabilidades e teorias são muitas.

Porém há uma outra peça desse quebra-cabeças que pode reforçar algumas ideias sobre a origem das pirâmides egípcias.

Já se sabe que muitos povos antigos afirmavam que seus antepassados vieram dos Céus, em carruagens de fogo, em pássaros ou seres alados, o que parece ser apenas alegorias para demonstrar algum tipo de espaçonave desses ‘homens das estrelas’.

As observações astronômicas, os cultos a deuses estelares, é apenas um pouco da ligação do povo do Antigo Egito com os Céus.

No livro “O Mistério de Orion“, de Robert Bauval e Adrian Gilbert, eles afirmam que as pirâmides foram muito mais do que meras tumbas, elas foram nada menos do que uma réplica dos Céus na Terra.

No ano de 10450 a.C. a esfinge junto com as três pirâmides teriam se alinhado com o Cinturão de Orion, como mostra a imagem abaixo.

As três pirâmides é uma cópia exata das estrelas Delta Orionis, Epsilon, Zeta, que compõe o Cinturão de Órion.

No período de 10450 a.C a Era de Leão que estava em vigor, e curiosamente a esfinge é representado por um corpo de leão, que na época teria sua face apreciando o leste em sua parte celestial.

Como em uma época tão remota esse povo africano tinha tamanho conhecimento arquitetônico e de engenharia?!

Com uma magnífica exatidão astronômica, as pirâmides foram criadas para serem o caminho dos faraós para as estrelas.

About Author

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!