Mais de 20 milhões de itens estavam em risco em um incêndio no Museu Nacional do Brasil, um impressionante pedágio cultural que inclui fósseis pré-históricos e peças raras que datam de vários milênios.

Não se sabe atualmente quantos artefatos, foram resgatados do fogo, que engoliu o museu na noite de domingo, para o desespero de brasileiros e amantes da história em todo o mundo. O museu, inaugurado em 1818, abrigava uma extensa coleção de artefatos brasileiros, mas também apresentava itens de todo o mundo.

Aqui está uma pequena seleção de alguns dos seus itens mais notáveis:

Um dos maiores meteoritos do mundo, encontrado em 1784 e exibido desde 1888.

• Fósseis dos restos humanos mais antigos encontrados na região, conhecidos como Luzia, e de dinossauros e outras criaturas.

• Uma coleção egípcia que incluía um caixão do século XI aC, um gato mumificado e uma coleção de máscaras, vasos, amuletos e estátuas, como uma de uma jovem egípcia de cerca de 1500 a.C.

• Itens de uma grande amostra de culturas brasileiras, incluindo urnas funerárias por volta do ano 1000 na região do rio Maracá, estátuas e vasos da cultura de Santarém na região do baixo rio Tapajós e uma múmia rara encontrada no Brasil.

• Uma coleção greco-romana com mais de 700 peças que chegaram ao Brasil na década de 1850.

• Artefatos de indígenas brasileiros, incluindo bonecas, cestas, máscaras, potes, pingentes e outras jóias.

• Itens de civilizações antigas em toda a América do Sul, incluindo acessórios de casamento dos Incas e uma múmia do norte do Chile.

• Uma vasta coleção de aves com quase 200 anos, representando o alcance visto no Brasil.

• Uma coleção de gemas e outras amostras geológicas.

FONTE

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!