Os cientistas captaram cerca de duas dúzias de explosões estranhas de rádio , entre as quais se detectou uma originada na distância mais próxima da Terra .

Um novo estudo publicado nesta quarta-feira na revista Nature relata a detecção de cerca de duas dúzias de radares rápidos (FRB) de fontes misteriosas localizadas fora da nossa galáxia, possivelmente em similares ou similares. o espaço intergaláctico.

A detecção foi possível graças à ajuda do radiotelescópio ASKAP, localizado em uma área remota do deserto da Austrália. Desde 2017, a equipe estuda há mais de 12.000 horas os campos de origem de rajadas de rádio similares e produzidas anteriormente, no esforço de detectar novas e incomuns notas.

A análise da equipe mostra que “os FRBs vêm do outro lado do Universo e não de nossa vizinhança galáctica”, de acordo com o principal investigador do trabalho, Ryan Shannon, citado pela Space.com.

Os cientistas encontraram 19 novas rajadas , entre as quais uma foi detectada como “apenas” cerca de 425 milhões de anos-luz , o que é quase duas vezes menos que a distância anterior e a distância mais próxima da Terra. Além disso, detectaram uma explosão mais potente do que todas as conhecidas anteriormente, e um novo sinal foi detectado a partir de uma ‘fonte repetidora’ chamada ‘FRB 121102’, que emite numerosos sinais desde sua descoberta em 2012. Em agosto de 2017, essa fonte foi emitida. 93 FRB em um único dia.

O estudo acrescentou outra descoberta importante: as novas explosões são mais brilhantes do que as detectadas anteriormente e têm uma menor “dispersão”, o que indica que “o material que produz a dispersão está fora das galáxias, no gás tênue do meio intergaláctico”. “, Segundo afirmou à Space.com o principal investigador da obra, Ryan Shannon.

“Isso significa que podemos usar o FRB para estudar esse material, o que é quase impossível de ser observado por outras técnicas (observações ópticas ou de raios X, por exemplo)”, acrescentou.

FONTE

Criador do Site Verdade Mundial, fotógrafo por amor e profissão. Um inquieto da sociedade! Acredito que podemos mudar o pensamento das massas com a informação. Temos as ferramentas e a vontade de ver um Mundo melhor e livre. Estamos nessa luta há dez anos e em frente!