O enigmático evento sísmico ocorreu em 11 de novembro, mas nenhum ser humano estava ciente disso.Instrumentos científicos registraram ondas sísmicas que percorreram o mundo na manhã de 11 de novembro, ressoando por mais de 20 minutos, informa a National Geographic.

Segundo a imprensa, o evento estranho começou cerca de 24 quilômetros da ilha francesa de Mayotte, foi localizado ao largo da costa sudeste da África, depois que cruzou o continente Africano e os oceanos, atingindo Chile, Nova Zelândia, Canadá e Havaí . Nenhum ser humano sentiu o movimento telúrico, e apenas o entusiasta apelidado de @matarikipax no Twitter notou um sinal estranho nos sismogramas em tempo real do US Geological Survey. (USGS).

O engraçado é que nenhum especialista pode explicar por que essas ondas sísmicas ocorreram. O sismólogo Goran Ekstrom, da prestigiosa Universidade de Columbia, disse que “não viu nada igual”. Observando que “isso não significa que a causa era tão exótica”, ele apontou para as características incomuns do evento, como sua baixa freqüência e disseminação global.

No momento, os cientistas sugerem que as ondas podem ter sido relacionadas a um enxame sísmico que afetou Mayotte desde maio passado. O problema é que sua freqüência diminuiu nos últimos meses e não houve um terremoto tradicional na ilha quando o evento enigmático de 11 de novembro começou.

Por seu turno, o Instituto Francês de Pesquisas Geológicas indica que na costa de Mayotte poderia estar desenvolvendo um novo centro de atividade vulcânica e que as ondas poderiam apontar para um movimento magmático no mar. De qualquer forma, os especialistas tentam resolver esse enigma geológico neste momento.

FONTE

Designer de Moda, reikiana, praticante e apaixonada por Yoga, Manoela desenvolveu um grande interesse na conexão espiritual entre o passado, presente e o futuro da humanidade, seus caminhos e mudanças ao longo dos séculos. Suas pesquisas para o Verdade Mundial vem sendo amplamente visualizadas nas áreas da sociedade e espiritualidade.