“Morram, morram com alguma dignidade. Vamos acabar logo com isso. Acabar logo com essa agonia” Quem fala é o fanático religioso Jim Jones, o líder da seita templo dos povos.

Em um ponto perdido na selva da Guiana, ele comandava o suicídio coletivo de seus mais de 900 seguidores. O massacre aconteceu no dia é 18 de novembro de 1978.

Essa tragédia é até hoje um dos grandes símbolos dos efeitos nocivos da fé cega.

OBS: O vídeo original foi removido do Youtube então adicionamos o documentário do NatGeo.