Bóson de Higgs (partícula de Deus) e um significado visto no filme Prometheus

Por trás da ficção sempre existe mensagens a serem analisadas e Prometheus tem uma simples e bem direta para quem quer ver.

“Foi buscando o princípio da raça humana que descobrimos o nosso fim”.

Esta frase resume o filme e mostra um outro lado que já conhecemos, o famoso “Acelerador de Partículas” que pode ser o início do fim e não a “evolução da ciência”.

 

Conheça a Partícula de Deus

Tecnicamente, a partícula é conhecida como bóson de Higgs. Mas o outro apelido conferido a ela acabou ficando até mais famoso: partícula de Deus.

A alcunha foi dada pelo prestigiado físico Leon Lederman, vencedor do Prêmio Nobel em Física, pelo fato de o bóson de Higgs ser a partícula que permite que todas as outras tenham diferentes massas.

Ele fez uma analogia com a história bíblica da Torre de Babel, em que Deus, num de seus típicos acessos de fúria, faz com que todos falem línguas diferentes.

Da mesma maneira, o Higgs faria com que todas as partículas tivessem massas variadas.

O nome pegou, mas a maior parte da comunidade científica prefere chamar mesmo de bóson de Higgs, para que a brincadeira não distorça o real significado do trabalho de pesquisa ou atribua a ele alguma conotação religiosa imprópria.

Fonte

3 comentários em “Bóson de Higgs (partícula de Deus) e um significado visto no filme Prometheus

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: