Cem toneladas de água altamente radioativa vazaram através da válvula de escape de um recipiente contendo água usada para resfriar os reatores danificados da usina nuclear japonesa Fukushima 1.

O teor de isótopos com radiação beta é de 230 milhões de becqueréis por litro.

Uma das causas do incidente pode ser a superlotação do reservatório com água radioativa até transbordar.

Vazamentos de água radioativa dos reservatórios da usina nuclear danificada ocorrem desde agosto do ano passado. O problema de acumulação constante de água radioativa é um dos mais graves na usina Fukushima 1.

Fonte