Joan Lutchman, o Centro de Pesquisa Sísmica da Universidade das Índias Ocidentais (UWI), em Trinidad, advertiu que o Caribe deve preparar-se um “grande terremoto”, uma vez que nos últimos dias ocorreram vários terremotos.

Foi durante uma conferência de imprensa, o especialista disse que no final da semana passada, em um período de 24 horas, houve 54 terremotos no Caribe oriental. Os tremores ocorreram entre os dias 6 e 7 de dezembro e a magnitude dos terremotos oscilou entre 1,2 e 4,1.

Vários países foram afetados por esses movimentos de baixa intensidade, tais como: Porto Rico, Dominica, Guadalupe, Montserrat, Nevis, San Cristóbal, Anguilla, Ilhas Virgens Britânicas e Americanas, bem como Antígua e Barbuda.

 
Lutchman alertou que esses pequenos terremotos são sinais que devem ser levados a sério e ressaltou que a região deve estar atenta se “vier um grande”, para a qual “devemos estar preparados”.

O último grande terremoto a afetar o Caribe ocorreu em 2010 no Haiti, onde um terremoto de intensidade 7 causou mais de 300.000 mortes, número similar de feridos, cerca de 1,5 milhão de desabrigados e a destruição quase total de sua capital Porto Príncipe.

Fonte: debate