É um mês de julho de frio extremo na região da Patagônia. Invernos rigorosos são comuns na região, mas tem feito mais frio que o normal desde o fim de junho com muitos transtornos e prejuízos.

Entre os setores afetados está o de energia. Devido ao acúmulo de neve e gelo, 37 torres de alta tensão de 330kv da linha de transmissão entre Futaleufú e Madryn, em Chubut, caíram com o peso. 

A temperatura em alguns dias na região neste mês caiu abaixo de 20°C negativos e houve grandes tempestades de neve. 

FONTE